15 de Dezembro de 2018 | 17:59

Campo Grande, MS °C
-->
Noticia de: 12 de Janeiro de 2018 - 14:01
Fonte A - A+

Prefeitura e Instituto Mirim se unem para garantir qualificação a jovens em vulnerabilidade social

Pautado pelas Políticas de Assistência Social e de Proteção aos Direitos da Criança e do Adolescente, o Instituto Mirim de Campo Grande dá início a partir de hoje a um novo capítulo de sua história ao formalizar acordo de cooperação com a Prefeitura Municipal de Campo Grande a fim de garantir o atendimento aos adolescentes em situação vulnerável assistidos pela Secretaria Municipal de Assistência Social, encaminhados pelo CRAS e CREAS

O termo foi assinado nesta manhã (12) em ato no Paço Municipal, que contou com a presença da prefeita em exercício, Adriane Lopes, do titular da SAS, José Mário Antunes, e a diretora executiva do Instituto Mirim de Campo Grande, Cláudia Penteado. O acordo propõe a interlocução dos equipamentos públicos da assistência social e atendimento aos usuários da rede socioassistencial, garantindo o ingresso dos mesmos no Instituto Mirim, bem como o acompanhamento de seus familiares.@9

Para Adriane Lopes, a iniciativa será um marco para a Prefeitura e o Instituto Mirim, já que ambos atuam na busca da inclusão social de adolescentes e jovens e, desta vez, integrando-os às tendências e exigências do mundo do trabalho, focando na qualificação socioprofissional.

“Juntos, vamos escrever esse novo capítulo da Assistência Social de Campo Grande. O Instituto Mirim tem como missão a inclusão de jovens que estejam em situação de vulnerabilidade social no mercado de trabalho e a SAS, por meio de seus órgãos de apoio, identifica de fato quem são essas pessoas que se enquadram realmente nos critérios para ingressar no instituto. Estamos unindo força para mais uma vez fazer a justiça social quando a partir dessa parceria vamos priorizar realmente quem precisa de apoio. Essa é a nossa missão”, justifica a prefeita em Exercício.

O secretário municipal de Assistência Social, José Mário Antunes, destaca os resultados a serem obtidos com essa aproximação das entidades. “A SAS tem como papel principal oferecer apoio técnico e assistência no fortalecimento dos vínculos familiares dos nossos usuários. Essa ponte com o Instituto Mirim vai garantir a esses jovens – que sabemos que são aqueles que mais precisam de oportunidades – uma chance de concorrerem no mercado de trabalho já que serão capacitados neste sentido e terão com isso uma chance de futuro mais digno”, justifica Antunes.

@10Para a diretora executiva do Instituto Mirim de Campo Grande, Cláudia Carneiro Penteado, essa parceria promove maior transparência para a entidade, já que confirma o seu papel de atender os jovens que estão inseridos no cenário de risco social. Ou seja, quando o indivíduo deixa de ter condições de usufruir os mesmos direitos e deveres dos outros cidadãos, devido ao desequilíbrio socioeconômico instaurado.

“O Instituto Mirim busca, acima de qualquer coisa, assistir aquele jovem que está na ponta quando se trata de vulnerabilidade social, e que precisa de apoio para mudar sua realidade diante de tantas dificuldades. A SAS assiste, por meio dos CRAS e dos CREAS, os jovens de Campo Grande que estão realmente neste universo e, por meio de sua equipe, identifica com propriedade quem são essas pessoas que se enquadram no perfil o qual é a prioridade no atendimento do IMCG. Estamos certos de que vamos juntos mudar a história de muitas famílias da nossa cidade e a sociedade saberá reconhecer esse novo momento”, pondera Cláudia.

social aqui