17 de Janeiro de 2018 | 05:01

Campo Grande, MS °C
-->
Noticia de: 14 de Dezembro de 2017 - 11:00
Fonte A - A+

Laudos periciais podem dar reviravolta a caso de morte em conveniência de bairro nobre

Resultados de laudos periciais e novos depoimentos prestados à polícia podem dar reviravolta à investigação da morte de Arlei dos Santos Sorrilha, de 30 anos, morto com 5 tiros na madrugada do último dia 2, em frente a uma conveniência na rua Euclides da Cunha, no Jardim dos Estados, em Campo Grande. Até o momento cerca de dez testemunhas já foram ouvidas.

“Estamos aguardando o resultado de laudos da perícia e convocamos outras testemunhas para depor, mas ao que tudo indica, o caso tem novos fatos que podem mudar a linha de investigação. No entanto, é preciso a confirmação dos exames solicitados”, explica o delegado Mário Dozinete, responsável pelo caso.


O delegado não adiantou o que são os novos, porém, informou que, se confirmadas as suspeitas, prisão preventiva dos responsáveis pela morte de Arlei pode ser expedida.

O caso

O assassinato foi registrado pelas câmeras de segurança do estabelecimento comercial, que mostram os acusados chegando ao local em um veículo Volkswagen Gol. Eles descem e entram na conveniência para comprar bebidas.

Momento em que a vítima passa pelo carro e se dirige até a área dos banheiros. Em seguida as imagens mostram, os acusados voltando e entrando no carro momento em que Arlei passa pelo veículo e começa uma discussão entre eles.

Os ocupantes descem do carro e um deles entra em luta com a vítima. Um funcionário da conveniência tenta separar a briga, mas sem sucesso. Momento em que o outro homem saca um revólver de dentro do carro e efetua cinco disparos contra a vítima.

Arlei foi atingido por tiros de calibre 22, sendo dois no peito e três nas costas. Ele morreu no local.

social aqui