17 de Janeiro de 2018 | 05:09

Campo Grande, MS °C
-->
Noticia de: 30 de Outubro de 2017 - 13:22
Fonte A - A+

De novo na luta pelo título, Palmeiras fecha hoje a 31ª rodada do Brasileirão

Com 53 pontos ganhos e atualmente na vice-liderança do Brasileirão 2017, o Palmeiras tem um jogo com característica de final neste segunda-feira, contra o Cruzeiro, às 19 horas (MS), no Allianz Parque, em São Paulo, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

O Palmeiras chegou a ficar 16 pontos atrás do líder Corinthians. Hoje a diferença é de seis pontos e no caso de vitória diante do Cruzeiro estará apenas três pontos do rival na luta pelo título da competição, com a ressalva de que as duas equipes terão confronto direto no próximo domingo na arena de Itaquera.

Novamente na disputa, o Palmeiras agora comandado interinamente por Alberto Valentim, funcionário do clube desde 2010, só depende dele para ser campeão, mas hoje à noite não será tarefa fácil. Palmeiras e Cruzeiro já se enfrentaram três vezes nesta temporada com vantagem do time mineiro: dois empates nas quartas de final da Copa do Brasil (3 a 3 em São Paulo e 1 a 1 no Mineirão) e vitória por 3 a 1 no Mineirão na primeira fase do Brasileirão.

No caso de vitória hoje à noite, o Palmeiras assumirá a liderança do campeonato se vencer o Corinthians no domingo. Já o Cruzeiro joga sem pressão. Campeão da Copa do Brasil, o time já tem vaga direta garantida na Libertadores de 2018. A única preocupação gora é somar pontos para terminar o Campeonato Brasileiro na parte de cima da tabela.

A novidade no Palmeiras pode ser a volta do zagueiro colombiano Mina, fora do time por contusão desde a eliminação diante do Barcelona de Guayaquil nas quartas de final da Libertadores. O único desfalque da formação titular nos últimos três jogos é Bruno Henrique, suspenso. Jean e Thiago Santos são as opções.

O time para iniciar a partida diante do Cruzeiro deve ser Fernando Prass; Mayke, Edu Dracena, Juninho (Mina) e Egídio; Jean (Thiago Santos), Tchê Tchê e Moisés; Keno, Dudu e Borja. A arbitragem será de Heber Roberto Lopes (SC), auxiliado por Helton Nunes (SC) e Thiaggo Americano Labes (SC).

social aqui