22 de Junho de 2018 | 18:33

Campo Grande, MS °C
-->
Noticia de: 01 de Setembro de 2017 - 14:00
Fonte A - A+

Homens procuram cada vez mais por implantação de barba

Segundo o doutor Tykocinski, a cicatrização do local implantado é muito rápida, geralmente de dois a três dias, já que o furo feito tem um diâmetro inferior a 1 milímetro

O número de homens que deixam a barba crescer aumenta a cada dia e o visual hipster tem sido visto nas ruas com mais frequência. Mas, nem todo homem possui muitos pelos na face e a procura da barba perfeita fez que com os rapazes vaidosos procurassem cada vez mais por implantes de barba, uma cirurgia que ajuda quem tem pelos espalhados ou até ausência capilar na face, seja para seguir a moda ou aumentar a autoestima. O implante de barba é o segundo tipo de procedimento mais procurado por homens, ficando atrás apenas do capilar.

"Hoje a barba é algo trend e as pessoas querem cultivar desde barbas maiores, mais ralas ou bigodes", avalia o médico Arthur Tykocinski, especialista em restauração capilar. O médico explica que a cirurgia é feita pelo método FUE (extração por unidade folicular). Os pelos são retirados do próprio corpo do paciente, geralmente do pescoço para melhor preenchimento do queixo e bochechas. Em outros casos, também é possível retirar da parte traseira do couro cabeludo e transplantar para a barba.

Semelhante ao implante capilar, o procedimento é minucioso e pode levar até 12h dependendo do número de unidades foliculares a serem transplantadas. O procedimento não exige internação, mas, são necessários alguns cuidados pós-operatórios na primeira semana, principalmente, com a limpeza para evitar infecções.

Segundo o doutor Tykocinski, a cicatrização do local implantado é muito rápida, geralmente de dois a três dias, já que o furo feito tem um diâmetro inferior a 1 milímetro. Uma semana após a implantação já é possível ver um 'vermelhinho' no local, mas, nem parece que a pessoa se submeteu a um procedimento cirúrgico. "Os pelos geralmente crescem direto, de forma contínua. Em um mês já é possível ver a diferença", diz o especialista.

Sobre Dr. Arthur Tykocinski (www.cabelo.med.br).

Formado pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, é integrante do corpo clínico dos renomados Hospitais Albert Einstein, São Luiz e Sírio Libanês e membro do Internacional Society of Hair Restoration Surgery, European Society of Hair Restoration, entre outras importantes associações no Brasil, Estados Unidos e na Europa. Drº Tykocinski preside e participa de grandes congressos e palestras sobre transplante capilar no Brasil e no mundo.

O doutor é diretor Médico da "Tykocinski Medical Group", desde 1994 e, em 2015, iniciou a FUE robótica Artas, sendo um dos três pioneiros da America Latina, além de ser co-autor do capítulo Transplante Capilar na nova edição da "bíblia" da dermatologia brasileira: Dermatologia por Sampaio, Castro e Rivitti. Ainda este ano foi diretor do Workshop Hairline Design, no Congresso Internacional da ISHRS. Também marcou presença no importante Congresso Mundial sobre o planejamento do transplante capilar em Vancouver, no Canadá.

social aqui