02 de Março de 2024 | 16:27
Campo Grande
-->
Noticia de: 25 de Agosto de 2023 - 13:00
Fonte A - A+

Com foco na saúde da pessoa idosa, SES realiza visita técnica em Vicentina e Fátima do Sul

Pensando no envelhecimento saudável e ativo da população sul-mato-grossense a SES (Secretaria de Estado de Saúde), por meio da área técnica de Atenção à Saúde da Pessoa Idosa, realizou visita técnica no município de Vicentina. A visita tem por objetivo conhecer as demandas locais e apresentar orientações técnicas sobre doenças crônicas, quedas, saúde mental e violência contra a pessoa idosa.

Além de levar informações técnicas às equipes de saúde sobre os temas relacionados ao envelhecimento saudável e ativo, a SES realizará levantamento de informações para ações futuras destinadas às pessoas idosas e sua rede de suporte social. Segundo a Opas (Organização Pan-Americana da Saúde) o envelhecimento saudável é um processo contínuo de otimização da habilidade funcional e de oportunidades para manter e melhorar a saúde física e mental, promovendo independência e qualidade de vida ao longo da vida.

Conforme dados extraídos do sistema DataSUS, o município de Vicentina possui uma população idosa de 1.307 pessoas, o que representa 21,37% da população local. Já o município de Fátima do Sul, que recebe o grupo para a orientação técnica de suas equipes de saúde na sexta-feira (25), possui uma população idosa de 4.033 pessoas, ou seja, 21,06% da população total do município.

Para a coordenadora da APS (Atenção Primária à Saúde) de Vicentina, Rosângela Silva Oliveira, as ações e apoio técnico da SES contribuem para o aprimoramento do atendimento à população do município. “A visita técnica cria um elo entre o Estado e o Município para o desenvolvimento de ações em conjunto, com foco nas pessoas idosas”.

Na opinião da enfermeira, Nayara Niz, realizar a visita in loco é decisiva para conhecer como funciona a política da pessoa idosa nos municípios elencados. “A visita permite uma compreensão detalhada das condições reais, identificação de lacunas nos serviços, interação com profissionais de saúde e pessoas idosas, ajustes e troca de experiência direcionadas para melhorar a qualidade da assistência prestada. Além disso, demonstra o comprometimento das autoridades e profissionais de saúde em garantir a qualidade do serviço, e proporciona o alinhamento com a equipe para que possamos obter um resultado positivo em um futuro próximo”.

Para o desenvolvimento dessas ações a equipe é composta por colaboradores das áreas técnicas da SES de Atenção à Saúde da Pessoa Idosa, Saúde do Homem, Saúde da Mulher e da ESP (Escola de Saúde Pública), além da parceria com a Setescc (Secretaria de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania), de forma transversal, voltada às pessoas idosas e à sua rede de suporte social com base no envelhecimento saudável e ativo.

social aqui